Rodrigo @ 00:00

Sab, 09/10/10

Boas! trago-vos hoje uma ilustre banda de Viana do Castelo que toca um Trash muito "potente" com muito Hardcore e Skate metidos lá no meio!!! Faz Lembrar uma vez que eu e o Pedro andavamos na mesma turma e numa ficha em que perguntava o estilo ele escreveu cheio de orgulho "trasher" hehe. Bom estes senhores já se deram ao luxo de tocar com grandes nomes deste estilo musical tal como Gama Bomb, Brutal Knights, etc... Bom a bana é compsta pelos senhores Ricardo San (Bateria), Jaime San (Guitarra), Bita San (Baixo) e Ciso San (Voz). Bom espero que gostem (ou não acaba por sortir o mesmo efeito)!!! Ah e ja me esquecia aqui fica o myspace da banda.

 

 

 

 

Relações coloridas são fixes, mas só até começarem a ir à máquina.
Vão perdendo a cor aos poucos, até virarem retro. Não que tenha alguma coisa contra os anos setenta. Na verdade não são poucas as coisas dessa altura que me suscitam interesse, desde a roupa à música, passando pelas revoluções que o foram e por aquelas que o tentaram ser. Mas da mesma maneira que os Wolfmother por mais riffs que lhes roubem,nunca terão a mesma piada que os Led zeppelin, roupa com cores deslavadas, nos anos dois mil, nunca vai ter o mesmo estilo que nos anos do LSD. Se compro roupa com cores vivas, gosto que assim permaneça. Se já sei à partida que as cores se vão, mais vale comprar um fato cinzento e enfiar-me num banco ou numa repartição de finanças. A partir de agora vou virar “punk-chichi”. Sempre que tiver roupa nova, vou usá-la até que as camadas de surro se comecem a sobrepor às suas cores. Sempre demoram mais a desaparecer do que com três ou quatro lavagens. E são chatas as lavagens. Demoram tempo, mastigam-nos o juizo e gastam-nos detergente. E se formos mesmo muito agarrados às cores, ainda vamos na conversa dos anúncios espanhois dobrados em Português e vamos comprar “aquele” frasco milagroso que as mantém agarradas ao tecido. Patético! Já pra não falar do risco de estar de chuva e teres a roupa empatada no estendal, dias e dias, até a poderes voltar a usar. De facto mais vale usá-la até à exaustão das suas cores. Pode só durar um mês em vez de dez, mas durante esse mês és o gajo mais estiloso da tua cidade. Ou pelo menos o gajo com as cores mais vivas. E o mais lindo é que podes usá-la todos os dias!

 

 

texto adaptado por Débora Costa de fontes que me são estranhas.

 

 


Bandas:


Pedro Pereira @ 00:25

Sab, 09/10/10

 

epá... acho que já não me lembro desse momento xD
bom post Rodrigo! :D

db @ 00:45

Dom, 10/10/10

 

Ahahah , não acredito que puseste isto aqui , e com aquela espécie de "autoria" ao fim xD Espectáculo! Rainbow <3

“A música exprime a mais alta filosofia numa linguagem que a razão não compreende” Arthur Schopenhauer
Pesquisar
 
Arquivo
Bandas

todas as tags