André Pereira @ 00:00

Ter, 18/05/10

Aproveito a semana de lançamento do novo álbum Feromónico para postar aqui uma música do "Uma Vida a Direito", para recordar o que foi feito de muito bom e abrir o apetite e deixar água na boca para o que aí vem...
Digo aqui em primeira mão que no Domingo há mais - vai ser o primeiro post com uma canção do Desoliúde!
É justíssimo linkar aqui o myspace da banda, o perfil do facebook de dois dos elementos do trio, Diego Armés e Bernardo Barata, e já agora, para acabar o serviço, "uma espécie de entrevista" que o Diego Armés concedeu ao nosso blog-primo, Nódoa Offline.


É de realçar também que todos "os da casa" se enlouquecem ao som dos Feromona. Fica aqui a comprovação: este vídeo foi publicado no youtube pelo Diogo; foi com o Seixo que cantámos os primeiros versos da Psicologia e, neste momento, estamos a fazer um forcing (extra) para introduzir algumas músicas desta banda no (vasto) reportório de covers do nosso Carlos Bruno, a quem aproveito para dar os parabéns, anexados a um pedido de desculpas, porque ontem me esqueci. Diz-se também por aí que o irmão do zetodobom (que elege como preferida a "Animal") já sabe a "Bisturi" de cor.

 

Fica aqui o contributo possível na divulgação que tenho (temos) vindo a fazer, com muito gosto.

 

 

Refreia-me o tom com que vais dizer:
Que é tão vulgar este meu vicio
Que é só gastar, que é desperdicio
Que há coisas melhores pra fazer

Já sei que pensas que é só estupidez
Mas há maneiras e maneiras
Porque a linguagem tem fronteiras
Limites que às vezes não vez

Diz-me só se te faz feliz:
Dizer-me as coisas como mais ninguém diz...
Um dia eu vou deixar de te ouvir
Repito, um dia eu vou deixar de te ouvir...

Modera a tensão que te vem na voz
Dessa maneira ficas feia
E se ele há coisa que eu não queira
É que amanhã acordemos sós

Fala-me ao ouvido sem malvadez
Tira o sarcasmo da expressão
Falemos juntos no colchão
Depois fazemos tudo outra vez

Diz-me só se te faz feliz:
Dizer-me as coisas como mais ninguém diz...
Um dia eu vou deixar de te ouvir
Repito, um dia eu vou deixar de te ouvir...

 

 


Bandas:

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres




O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

“A música exprime a mais alta filosofia numa linguagem que a razão não compreende” Arthur Schopenhauer
Pesquisar
 
Arquivo
Bandas

todas as tags

subscrever feeds